sexta-feira, junho 23, 2006

Adenda


Eu sei que ainda estou impulsiva, que ainda estou zangada. Mas, afinal, eu também sei como cada 'hoje' em que nos centramos, que empolamos, em que nos zangamos, ou, mesmo, outros 'hoje' em que sofremos, 'amanhã' serão passado e parecerão, afinal, insignificantes.
Como, amanhã, parecerá insignificante uma ministra em que hoje nos centramos empolando consequências da sua breve passagem.
(Vê se recomeças a aplicar as tuas filosofias, Isabel!)

4 comentários:

3za disse...

Eu também quero aplicar as tuas e as minhas... MAs depois destes atropelos todos nem sempre é fácil...
beijinhos e bom fim de semana!

Tit disse...

"Como, amanhã, parecerá insignificante uma ministra em que hoje nos centramos empolando consequências da sua breve passagem."... Ai Isabel... espero que tenhas razão... Mas temos mesmo de pensar assim, embora tantas vezes se afigure quase impossível...
Bjinho e Bom Fim-de-semana.
Bjos aos netos ;)

Arte por um Canudo 2 disse...

Compreendo-te,é dar relevo a mais a quem vai ter uma passagem muito breve no lugar que está.Só que essa passagem é um autentico furacão e vai deixar mossas. Atenção!..Os docentes são o inimigo público nº1 a abater da ministra.Ela tem algum trauma contra a classe docente que é preciso descobrir..

Anónimo disse...

Acho que a Ministra tem um desempenho global muito satisfatório. O "drama" que os Sindicatos fazem é ditado por interesses escucuros. Fui prof, sou encarregado de educacação, e penso que os pais devem ter opinião sobre o desempenho dos Profs...eu tenho já...um peso reduzido, cf de resto está contemplado, no Projecto..."

Quanto ao Blogue, gostei

"centralidade que tem sido dada à questão da opinião dos pais é manifestamente excessiva. Na verdade, tal opinião só entra em conta, entre oito "indicadores", na avaliação efectuada pela direcção executiva da escola, a quem compete a ponderação de todos esses itens.
Diz o preceito em causa:
«Artigo 46º
Itens de classificação
1 - A avaliação efectuada pelo coordenador do departamento curricular ou conselho de docentes pondera o envolvimento e a qualidade científico-pedagógica do docente, com base na apreciação dos seguintes parâmetros classificativos:
a) Preparação e organização das actividades lectivas;
b) Realização das actividades lectivas (cumprimento dos programas curriculares);
c) Processo de avaliação das aprendizagens dos alunos.
2 - Na avaliação efectuada pela direcção executiva são ponderados, em função de dados estatísticos disponíveis, os seguintes indicadores de classificação:
a) Nível de assiduidade;
b) Resultados escolares dos alunos;
c) Taxas de abandono escolar;
d)Participação dos docentes no agrupamento/escola e apreciação do seu trabalho colaborativo;
e) Acções de formação contínua frequentadas;
f) Exercício de outros cargos ou funções de natureza pedagógica;
g) Dinamização de projectos de investigação, desenvolvimento e inovação.
h) Apreciação realizada pelos pais e encarregados dos alunos que integram a turma leccionada, em relação à actividade lectiva do docentes».
Não vejo nenhum motivo para censurar esta solução.