terça-feira, novembro 14, 2006

Não podia deixar passar este dia...

... em que faria anos um dos meus mais queridos impressionistas e, também, dos meus mais queridos pintores em geral. Aqui deixo a obra a que terá sido dado inicialmente o título Impression na sua primeira exposição - em que Monet lhe não atribuíra título -, originando o termo impressionismo.*

Claude Monet (1973). Impression, soleil levant.



Como disse no post anterior, motivos de força maior levam-me a adiar a postagem neste cantinho e a não poder estar atenta, mas, devido a gentil e-mail pelo qual fiquei alertada de que hoje faria anos Claude Monet (14 de Novembro de 1840 - 5 de Dezembro de 1926), vim aqui, de corrida.

____
*Informação que pode ser lida, entre outras fontes, em: http://fr.wikipedia.org/wiki/Impressionnisme#Origine

6 comentários:

Arte por um Canudo 2 disse...

Vale a pena recordar.Os olhos ficam embebecidos com tão magnifica arte.Tenho um fraquinho maior por Van Gogh mas sempre admirei Monet.Abraço

IC disse...

Arte por um canudo 2:
Que bom teres passado por aqui pois é sinal de que te estás a restabelecer.
Quanto a Van Gogh... bem, por ele também tenho um fraquinho maior, um fraquinho especialíssimo :)
Abraço

mp disse...

Nunca fui professora, por opção (pensava eu que tonta, mas já me reconciliei comigo mesma, após esta ministra da educação); estive apenas ligada à formação profissional, nos últimos anos da minha carreira, mas sempre no sector privado.
Não sou de Matemática, mas de Letras.
Passo, de vez em quando, por aqui, porque gosto do seu blog, admiro o modo como mantém o seu interesse pelo que tem a ver com o ensino e a aprendizagem.
Ah, e o seu gosto pela cultura; agora, acabo de deliciar-me com este ícone do Impressionismo...
Admiro os professores que o são ou foram por vocação (que eu achei que não tinha) e estou grata a praticamente todos os professores que tive, bem como aos que ensinaram os meus filhos. Conheci exemplos humanos únicos.

IC disse...

mp:
Muito obrigada pelas suas visitas e pelas suas palavras.
Sim, continuo a interessar-me pelo que tem a ver com o ensino e a aprendizagem e espero voltar a 'escrevinhar' aqui com alguma continuidade depois da interrupção que estou a ter que fazer.
Abraço.

maria disse...

Não sou especialista em arte, acho que me faltou uma educação nesse campo. Assim de umas coisas gosto de outras,não, sem razões muito objectivas. Gosto dos impressionistas mas mais de realistas.Talvez vá dizer um disparate - gosto de traços bem definidos.

3za disse...

Gosto sempre muito de aprender e
tenho um fraco pela arte/criação em geral.
Que mistérios se escondem atrás deste desejo de alguns de reinventar o mundo deixando obra mais ou menos vasta em tantos suportes diferentes? Vá lá saber-se...
beijinhos