sábado, novembro 11, 2006

Adenda: Pequenotes investidos de responsabilidade

Recordações...

Assembleia da aula de Matemática dirigida por alunos e incluindo debates em grupo (2º Ciclo)


Outras assembleias da aula de Matemática (dirigidas por alunos, 2º Ciclo)

___

P.S.: Não, sr. Nuno Crato, as assembleias não eram para os alunos escolherem o que queriam ou não queriam aprender.

4 comentários:

Anónimo disse...

A Isabel lida mal com quem não partilha das suas "aulas cooperativas" ou "cooperativas aulas", não se percebe bem...
Para a sala de aula se tornar uma comuna pouco falta. Lamento que haja professores que transportem as suas ideologias políticas para dentro das aulas, mas lamento ainda mais que haja professores como a Isabel que aceitem tão mal que haja pessoas que não acreditam no colectivismo e não o pratiquem com os seus alunos.
O trabalho de grupo levado ao extremo é o maior embuste da pedagogia portuguesa: só serve para disfarçar os mediocres e para coleocar 1 ou 2 alunos a trabalharem para os outros todos...

mp disse...

Claro que é preciso ser-se anónimo para o insulto.
Que pena!!!
Esta é que é uma atitude medíocre (a propósito, o seu medíocre precisa de um acento).
Como lamento que a miopia politiqueira não consiga reconhecer a "chama" que esta senhora (que eu não conheço) nutre pelo ensino e pelos jovens que ajudou (estou certa) a crescer.
Pelos pais desses alunos, bem haja, IC.

Anónimo disse...

mp,

medíocre ficou sem acento por lapso, assim como a palavra "colocar" ficou mal escrita. Erros de digitação apressada...

Não houve insulto nenhum, apenas exprimi a minha opinião. Presumo por isso, que a "miopia politiqueira" de que me apelidou, seja uma opinião e não um insulto...

Presumo também, que a identificação "mp" não seja anónima, mas sim um código secreto, que só eu é que não sei o que significa...

mp disse...

"mp" faz parte do meu nome, podia ser um pseudónimo, mas não é.
Anónimo é anónimo.
"miopia politiqueira" não é opinião nem insulto. É a designação da constatação de um facto - o facto que constitui todo o seu escrito anterior.