sexta-feira, outubro 13, 2006

Entre estar na oposição e estar no governo...

____
Da declaração de voto do PS na Assembleia da República, em 3 de Dezembro de 2003:
(...)
(...)

____
Da reunião das Organizações Sindicais da Plataforma Sindical de Professores para o ECD com o Ministério da Educação, realizada no dia 12 de Outubro de 2006, em Lisboa:

(Destaques meus)
_____
Adenda:

Artigo 5.º
Direito de negociação colectiva
1 - É garantido aos trabalhadores da Administração Pública em regime de direito público o direito
de negociação colectiva do seu estatuto.

Artigo 6.º
Objecto de negociação colectiva
São objecto de negociação colectiva as matérias relativas à fixação ou alteração:
(...)
e) Das carreiras de regime geral e especial e das integradas em corpos especiais,
incluindo as respectivas escalas salariais;

4 comentários:

henrique santos disse...

Os partidos, os governos, as pessoas têm de ser confrontados com as suas promessas, as suas declarações e responsabilidades. É uma das tarefas da cidadania que cada um de nós exija activamente essa responsabilização. A matéria da negociação colectiva, no caso a sua supressão é uma questão grave de mais. Exprime um grave atentado aos direitos democráticos dos trabalhadores e das suas associações sindicais. Provindo de um Governo de um partido cujo nome é "Socialista" é uma aberração. Obrigado pela informação Isabel.

Maria Lisboa disse...

O problema é que eles não negam a negociação ... eles cumprem o calendário. Só que acham as suas proposta irrecusáveis (de tão boas que são para todos nós!!!) e não aceitam alterações. E como do fim destes documentos apenas tem que constar "ouvidos os sindicatos...." eles estão sempre legalmente protegidos.
De honestidade, ética e valores afins não reza a história...

Catarina disse...

Quem era que dizia que «o poder corrompe, mas o poder absoluto corrompe absolutamente»?

Miguel Sousa disse...

estes socialistas, são piores que os laranjas...que me empurram para uma esquerda que não queria ir