segunda-feira, outubro 19, 2009

Uma manhã duplamente feliz

Feliz pela Teresa, pela sua dissertação de Mestrado, pelo Excelente bem merecido (nota rara em Mestrado, mas a Teresa também é rara, como a Teia tem mostrado desde que foi criada). Seria também excelente que muitos e muitos professores seguissem a Teia para serem contagiados pela magia da Teresa na arte de ensinar / fazer aprender e no amor pelos alunos.


Foto "roubada" do Terrear


Feliz também por ter finalmente conhecido o José Matias Alves no real (digo no "real", pois, para mim, já há muito era um amigo e eu sentia que o conhecia, apesar de só virtualmente)

Foto "roubada" do Aragem

1 comentário:

3za disse...

Ter-vos aos dois comigo neste dia, foi a nota mais especial dele. Por todas as razões...
Não tenho já palavras para agradecer as tuas, a tua presença que passou também do virtual ao real sem real transição... pois, tal como dizes sobre o JMA, já nos conhecíamos há muito. Partilhar estas aventuras todas contigo tem sido um imenso privilégio.
Obrigada por tudo!
Muitos beijinhos